Partilhar

Como dirigir uma moto com chuva 

Por Sara Viega. Atualizado: 20 janeiro 2017
Como dirigir uma moto com chuva 

Se temos que pegar a moto quando está chovendo, devemos ser ainda mais cuidadosos do que o normal ao dirigir este veículo de duas rodas, já que a aderência diminui ao mesmo tempo que aumenta a possibilidade de cairmos. São várias as coisas que devemos considerar, por isso em umComo.com.br explicamos a você como dirigir uma moto com chuva.

Também lhe pode interessar: Como dirigir uma moto com vento
Passos a seguir:
1

A aderência do asfalto sempre diminui por causa da chuva, no entanto, a situação não é igual em todas as estradas. Para experimentar o nível de aderência e saber com isso quão cautelosos devemos ser ao dirigir a moto, podemos usar o freio traseiro e comprovar quanto a roda posterior demora a derrapar.

2

Mais do que nunca, devemos tentar não passar sobre elementos que costumamos encontrar no nosso caminho como bueiros ou buracos tapados com alcatrão, já que com a chuva se transformam em verdadeiras pistas de patinagem. O mesmo acontece com as listras pintadas na via.

3

Não devemos dirigir com insegurança, mas sim com mais cuidado do que o normal. Nossa condução deve ser muito suave, sem respostas bruscas na circulação, e para isso devemos estar bem atentos a tudo ao nosso redor.

4

Quanto ao nosso equipamento, ganha muita importância o material do capacete, já que nossa visibilidade pode ser muito reduzida com a chuva. Se tiver um, use um capacete com sistema contra embaçamento.

5

O equipamento para dirigir motos em dias de chuva ficará completo com jaqueta, calça, luvas e botas impermeáveis, que protegerão nosso corpo sem que nossa atenção se desvie do mais importante: a estrada.

6

Se, apesar de tudo, você sofrer da temida aquaplanagem, a melhor opção nesta situação é não frear e apenas tentar controlar a moto através do guidão. Lembre-se que a aquaplanagem costuma acontecer logo após parar de chover, quando o asfalto ainda está molhado.

7

Com menos aderência, a distância de frenagem será maior, e a distância de segurança que sempre devemos manter com o veículo da frente deve ser ainda maior.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como dirigir uma moto com chuva , recomendamos que entre na nossa categoria de Motos.

Escrever comentário sobre Como dirigir uma moto com chuva 

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
António Carapito
Boa tarde a todos os motoqueiros. Estas recomendações são úteis sem dúvida e convém observá-las. Eu acrescentaria o problema da circulação em curva, pela razão citada no ponto 1. (o atrito pode diminuir em mais de 50%) e acrescentaria os cuidados a ter após a 1ª chuva que molha o pavimento. Combustíveis derramados e aparentemente secos tornam a pista muito escorregadia. É menos perigoso circular após uma chuvada intensa que lavou tudo, que na primeira chuvada após um período grande de tempo seco. Por último recomendo para evitar embaçamento do capacete, a aplicação na viseira, interior e exteriormente, de acordo as instruções do fabricante de um bom repelente de chuva. Não há formação de película, formam-se gotas que o vento faz deslizar e retira do campo de visão. Espero ter ajudado. Abraço e boas curvas
Sara Viega (Editor/a de umCOMO)
Oi António! Muito obrigada por partilhar essas dicas conosco! Continue acompanhando a nossa página :)

Como dirigir uma moto com chuva 
Como dirigir uma moto com chuva 

Voltar ao topo da página